(47) 3521.7182
Faça

SELANTE PARA PNEUS, O VERDADEIRO PNEU ANTI FURO PARA SUA BIKE

Saiba como funcionam os pneus de bike e selantes para deixar sua bike com o sistema anti furo.



Imagem como funcionam os selantes para pneu bike Compartilhe!

Quem nunca precisou parar a pedalada por um pneu furado? Trocar um pneu ou uma câmara de ar durante uma pedalada é algo que se você não fez ainda, com certeza vai fazer.

Mas não se preocupe, existem soluções variadas para cada problema com os pneus furados, seja levando um kit de reparos, câmaras de ar extras ou sistemas para evitar os furos, como o uso de fitas anti furo ou de selantes para vedar o furo e evitar o esvaziamento do pneu.

Aqui neste guia você vai encontrar informações para compreender como funciona um selante para pneu, vantagens, desvantagens e várias outras dicas. Tenha uma boa leitura!

O que é selante para pneu anti furo?

Imagem o que é selante para pneu

O selante é um líquido espesso e viscoso, que contém produtos adesivos, desenvolvido para ser usado dentro dos pneus tubeless (sem câmara de ar) e possuem a função de vedar furos nos pneus, assim ao ser furado, o pneu não perde seu ar e você continua pedalando normalmente.

Ao rodar, esse líquido se espalha pelo interior do pneu e se houver um furo, o ar de dentro (com pressão) acaba empurrando o selante para fora do pneu através do furo. Em contato com o ar e a pressão que recebe de dentro para fora do pneu, acaba por vedar, tampar o furo, no popular, entope o furo.

Cabe salientar de que cortes e furos grandes podem fazer com que o sistema não funcione, por isso, muitos ciclistas acabam por levar uma câmara de bike extra em suas pedaladas.

Índice

Quais as vantagens e desvantagens ao se usar pneu com selante?

Vantagens

A principal vantagem é a vedação de furos, que evita a perda de ar interno, bloqueando o esvaziamento do pneu. Pode ter certeza de que furos com espinhos, arames e outros objetos continuarão a acontecer, mas o benefício do selante é a vedação.

Outra vantagem é a redução de peso, proporcionando um rolamento mais eficiente na roda e possibilitando boa velocidade e rápida aceleração e desaceleração.

Quanto a performance, uma vantagem mais técnica, em que especialistas afirmam que pneus com câmaras fazem com que o atrito entre a câmara e o pneu gere resistência ao girar da roda, perdendo-se performance. Sem a câmara de ar, o pneu não possui a tal resistência.

O uso de calibragem bem baixa é outra vantagem nos pneus sem câmaras com selante. Para ocasiões onde se faz necessária a aderência ou se busca um maior conforto na pedalada.

Mais uma vantagem dos pneus com selantes é que se o pneu esvaziar e não tiver mais jeito de encher, é só usar câmaras de ar e ficar no modo tradicional, até você consertar com calma depois.

Desvantagens

Uma desvantagem pode ser a troca dos aros e pneus, caso sua bike não possua os mesmos adequados para uso com selantes, sem câmaras. Em muitos casos o pneu é apropriado, mas os aros não são.

Verifique a marca e modelo dos aros e pneus ou fale com um profissional para saber se você pode fazer uso dos selantes sem a necessidade de trocá-los.

O custo inicial é também muitas vezes uma desvantagem, pois passa a ser maior no sistema tubeless, mesmo que você tenha tudo para usar com selante, o valor do produto e a aplicação por um profissional acaba sendo superior ao preço de uma câmara extra. Mas pense em quantas câmaras você pode trocar e o custo disso ao longo do tempo. Faça sua escolha.

Outra desvantagem é quanto a manutenção, que em períodos muito longos sem uso da bike vão fazer o líquido selante secar numa única posição do pneu, embaixo, prejudicando o peso de rodagem nas pedaladas. Com o uso do selante, é necessário sempre rodar os pneus.

Como o produto selante tem validade, a troca periódica do produto se faz necessária, ficar de olho para deixá-lo sempre em funcionamento e trocá-lo conforme especificações dos fabricantes podem ser outra desvantagem.

Índice

Pneus com selantes necessitam de alguma manutenção?

Imagem para manutenção de pneu com selante

Além do controle da calibragem periódica, conferir a quantidade e a qualidade do líquido selante é fundamental.

Por se tratar de um produto líquido e desenvolvido para vedar furos, ele possui uma validade. Com o passar do tempo o selante vai diminuindo sua propriedade de funcionamento, secando e criando uma pequena camada ao longo do pneu internamente.

Cada fabricante de selante para pneus tem suas indicações de como repor o líquido e também o prazo de validade. Siga sempre as recomendações para que na hora que precisar, o sistema esteja apto a funcionar.

Uma dica é você sempre rodar os pneus de sua bike quando ela ficar parada por uns dias. Isso vai evitar de que o selante se acumule embaixo, secando-o. Se isso ocorrer vai prejudicar a pedalada, pois pode-se perder o balanceamento da roda.

Índice

Vale a pena adaptar pneus e aros comuns para selantes?

Imagem Vale a pena adaptar pneus comuns?

Há opções no mercado para que você faça a conversão de seu pneu mtb comum em sistema tubeless (sem câmara de ar). Utilizado para sistemas no MTB (Mountain bike), os kits de conversão tubeless podem ser uma boa opção para evitar que os furos nos pneus da sua bike possam atrapalhar a sua pedalada.

Note que nem todo pneu ou aro das bikes MTB hoje em dia são compatíveis com essas conversões. Para tanto, busque informações da marca e modelo de seu equipamento para ver a viabilidade da conversão. Verifique o modelo do aro, pneu e busque saber quais as condições desta transformação.

Para essa conversão você irá precisar dos seguintes itens: um kit de conversão tubeless (selante, fita de borracha do aro, válvulas) além de uma boa limpeza no aro e pneus, um compressor de ar ou uma bomba de ar de pé.

Quando se trata de conversões e adaptações, nem sempre tudo pode funcionar adequadamente. Para tanto, um profissional sempre é a melhor opção para esse serviço.

Índice

Passo a passo para instalar selante em pneus tubeless

Imagem Passo a passo para instalar selante em pneus

1. Verifique se os aros e pneus de sua bike são compatíveis com o sistema tubeless
2. Remova os pneus, câmaras de ar, fitas de aros e se tiver fitas anti furo
3. Limpe com álcool os aros e os pneus na parte interna cuidadosamente (evite produtos de limpeza que contenham algum produto químico).
4. Caso os aros não sejam compatíveis com o sistema tubeless, coloque a fita tubeless de conversão no aro
5. Insira as válvulas do modelo tubeless nos aros
6. Monte o pneu observando a posição correta, deixe a lateral do pneu aberta para que se coloque o líquido selante
7. Insira o selante no pneu com a quantidade indicada pelo fabricante de selante
8. Feche o pneu cuidadosamente e verifique por toda a superfície lateral do pneu para ver se está tudo bem encaixado
9. Encha o pneu e certifique-se que não conste nenhum vazamento. Note que o pneu pode baixar pressão em pouco tempo (minutos). Vá calibrando para dar o ajuste correto.
10. Gire o pneu para o líquido passar por toda a área interna do pneu

Importante: Para uma montagem adequada, leve a um especialista experiente!

Clique nos links abaixo e veja os produtos para uso com selantes

>> Confira a linha de pneus Continental tubeless ideais para uso com selante
>> Conheça os líquidos selantes para pneus de bike
>> Veja as válvulas tubeless (ventil) para uso de pneus tubeless (sem câmara)
>> Aproveite e veja as bombas de ar modelo de pé, prontas para selantes
>> Saiba mais sobre os produtos para conversão sistema anti furo
>> Conheça as fitas de borracha para conversão do aro em Anti Furo

Índice

Uso tradicional dos Pneus e Câmaras de ar nas bikes

Imagem trocando câmara de ar pneu de bike

Tradicionalmente o mais comum hoje em dia é o uso de pneus com câmaras de ar nas bicicletas, que são suscetíveis a vários furos. Normalmente o pessoal tem levado junto numa bolsa apropriada no selim ou no quadro um pequeno kit, contendo uma ou duas câmara(s) de ar extra(s), alguns remendos e cola. Além claro de uma bomba de ar com tamanho reduzida, fixa no quadro ou levada no bolso traseiro da camisa de ciclismo.

Para os ciclistas que costumam se distanciar das cidades e muitas vezes pedalando sozinhos, levar um conjunto de itens para conseguir consertar a bike é essencial. Os ciclistas mais experientes sabem disso e acabam levando esses itens de reparo.

Escolha sempre componentes e acessórios de melhor qualidade para sua bike. Assim você evita maiores problemas durante o pedal e aumenta o tempo de troca.

A Fita anti furo, colocada entre a câmara de ar e o pneu, pode ajudar muito a evitar os furos nos pneus. Como é comum furar com espinho, arames, pedrinhas e objetos pequenos, tudo o que você conseguir fazer para evitá-los melhor.

O uso da fita anti furo deixa o conjunto todo mais pesado, mas pode-se evitar muitos furos indesejados e fazer com que você não precise parar e perder tempo durante o seu pedal para realizar a troca da câmara de ar.

Nem sempre se consegue evitar furos com a fita anti furo, mas o seu uso rotineiro já comprovado no mundo das bicicletas faz reduzir os furos.

Portanto, se você optar por usar pneu com câmara em sua bicicleta, a nossa dica é de que você tome esses cuidados básicos para evitar furos, ou se acontecer, que pelo menos você tenha em mãos os componentes e ferramentas adequadas para realizar a troca e seguir sua pedalada.

Aproveite e assista ao nosso vídeo com dicas de como substituir a câmara de ar da bike!

Clique nos links abaixo para saber mais sobre os produtos para levar junto na pedalada e garantir o conserto do pneu furado

>> Conheça os kits de remendo e colas
>> Acesse as bombas de ar e suportes para fixar na bike
>> Confira as câmaras de ar extras para levar na pedalada
>> Veja a fita anti furo, ideal para pneus com câmaras de ar
>> Aproveite as bolsas de selim, quadro e guidão para armazenar kits de conserto
>> Saiba mais sobre os modelos de pneus para sua bike, aro 26, 27.5, 29 e 700

Índice

Pneu Tubular, os modelos sem câmara para as bikes speed

Imagem Pneu tubular para speed

Os pneus tubulares são modelos de pneus que possuem em sua estrutura o formato de um tubo e em seu interior já possuem uma câmara de ar embutida.

Desenvolvidos para uso em bicicletas speed, os pneus tubulares precisam de um aro apropriado para sua instalação, são fixos no aro por uma cola especial, isso mesmo, os pneus são colados no aro, justamente por não terem abertura para entrada de câmaras de ar.

Além do formato em tubo para evitar a troca de câmaras de ar, são mais leves e mais resistentes a furos. Esses pneus em formato de tudo são muito utilizados pelos profissionais em competições de ciclismo de estrada pelo mundo todo.

Com os preços desses pneus mais altos que os pneus do tipo clinchers (pneus sem câmara para speed), muitos ciclistas acabam usando apenas em competições, deixando para os treinos o uso dos modelos tradicionais com câmara de ar.

Ao furar um pneu tubular, o conserto do mesmo não é tão simples e acaba custando mais. Em equipes de ciclismo o descarte desses pneus é habitual, mas por que há seu uso? Pelos fatores de performance, velocidade, um pneu macio e mais resistente a furos do que os tradicionais.

>> Confira os modelos de Pneu tubular para sua bike speed

Pneu speed tipo Clincher, o mais utilizado no ciclismo de estrada

Imagem Pneu para speed tipo Clincher

Os pneus de speed tipo clincher são os tradicionais utilizados com câmara de ar. Alguns modelos desses pneus clinchers, como esse Continental Grand Prix da imagem acima, possuem uma proteção extra em sua composição, reduzindo a inscidência de furos.

Muitos ciclistas acabam por usar a fita de proteção anti furo, desenvolvida para pneus clinchers. O peso aumenta na roda, mas consegue-se evitar vários furos pequenos. Por esse motivo que em treino acaba-se usando os pneus clincher e em competições os pneus tubulares.

>> Aproveite e conheça as opções em pneus speed clincher

Índice

Conclusão

Fica nossa contribuição aqui com esse artigo para lhe orientar e ajudar a decidir qual sistema escolher: Pneu com câmara ou Pneu tubeless.

Independente de sua escolha, tenha em mente sempre reduzir ao máximo o fator de risco nas suas pedaladas. Se optar pelo uso tradicional, leve junto uma câmara de ar, bomba de ar, kit de remendos, sem contar o uso da fita anti furo. Caso opte pelo uso com selante, se for faça a conversão, verifique a compatibilidade e peça a ajuda de um profissional qualificado. Se você já possui todos os componentes necessários e ainda não usa, você pode estar perdendo a chance de evitar maiores problemas.

Lembre-se!!! Use sempre os melhores produtos, e busque orientações de profissionais do ciclismos.

Seguindo essas recomendações, você vai evitar de perder tempo, vai economizar dinheiro e terá um prazer enorme, focando em seu treinamento, passeio ou corrida.

Um ótimo pedal e fique à vontade para deixar seus comentários, sugestões ou críticas.

Índice

Balão de comentários Comentários

Ficou com alguma dúvida? Tem alguma dica? Deixe uma mensagem!

 

Direitos autorais

O site www.bikeplus.com.br encontra-se protegido por direitos de autor e Marca.
Todos os direitos de autor ou outros direitos de propriedade intelectual presentes no texto, imagens, software, som
e outros conteúdos do site são propriedade da Bike Plus Ciclo Peças.
É permitida a pesquisa no site e reprodução do texto por meio de impressão ou distribuição para outras pessoas,
mas em todos os casos para fins não comerciais. Está autorizada apenas a utilização do conteúdo do site para uso pessoal.
Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida para venda ou distribuída para ganhos comerciais nem poderá ser modificada
ou incorporada em qualquer outro trabalho, publicação ou site tanto no formato eletrônico quanto em formato impresso ou vídeo.
Nenhuma outra licença ou direitos relacionados com o site são concedidos sem a autorização expressa da Bike Plus Ciclo Peças.
 

Newsletter
CADASTRE-SE E RECEBA OFERTAS EXCLUSIVAS:

Produtos que você já viu

Você ainda não visualizou nenhum produto

Termos Buscados

Você ainda não realizou nenhuma busca

Mais procurados